A IMPORTÂNCIA DO PATRIMÔNIO HISTÓRICO PARA O TURISMO CULTURAL NO CEARÁ

MARIA ROSELÂNIA RAMIRO DA SILVA, ÁTILA EINSTEIN DE OLIVEIRA

Resumo


O artigo discute o desenvolvimento do turismo cultural sustentável a partir do desenvolvimento do setor de patrimônio histórico arquitetônico no Estado. Analisa as especificidades do setor e seus impactos. O presente estudo, aborda ainda, o processo burocrático em torno do tombamento e suas fragilidades, o que dificulta a preservação. Adicionalmente apresenta alguns casos onde o processo de preservação é deficiente negligenciando a própria legislação relacionada. No estudo ficou claro que não é suficiente apenas uma política de tombamento, sendo necessário também que se implemente uma estratégia de auto sustentabilidade financeira do empreendimento. Constatou-se essa ser uma alternativa viável ao tradicional turismo sol e mar, promovendo dentre outros a elevação de empregos diretos e indiretos além de impactos positivos no PIB (Produto Interno Bruto).

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.