A QUALIFICAÇÃO ADMINISTRATIVA DOS PROFISSIONAIS DE EMPRESAS DE ESTÉTICA E BELEZA

ADRIANA MARIANI, ADILA BRUNA GUEDES, MARIA KAELVIA CARVALHO, GLEYCIANE RIBEIRO, KEULIENE SILVA, LEON OLIVEIRA E SILVA, JULIANA CAVALCANTE, THALITA NATASHA FERREIRA DAMASCENO, SYLVANA RODRIGUES DE FARIAS

Resumo


A rápida expansão do mercado da estética e da beleza é uma realidade no Brasil. Dessa forma, o referido ramo possuiprogressivamente a necessidade de maior qualificação administrativa, de forma a possuir subsídios para o tendimento de sua demanda e a sua manutenção no mercado. O objetivo do presente artigo é analisar a importância da qualificação administrativa no desenvolvimento dos empresas de beleza. Além disso, almeja-se apresentar o nível de desenvolvimento deste segmento e a participação de profissionais qualificados para a administração de negócios desta área, assim como apresentar os principais fatores que contribuem para a deficiência na qualificação dos referidos profissionais. Foi feita uma aplicação de questionários, caracterizando a pesquisa como quantitativa, com 39 questões objetivas, em 30 empresas de beleza e estética de Fortaleza. Pode-se constatar inúmeras dificuldades de expansão, seja por falta de infraestrutura, tecnologia ou cursos de aperfeiçoamento, contudo, os empreendedores demonstraram um nível elevado de satisfação financeira. Dessa forma, urge a necessidade de uma atenção maior para esse ramo empresarial, que demonstra uma demanda crescente e uma importância expressiva no seu mercado consumidor.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.